terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Mapas temáticos bivariados para Potencial de Investimento Imobiliário



A partir da renda e domicílios locados construímos um olhar sobre o potencial de investimento imobiliário. Na nossa abordagem consideramos os domicílios em que o responsável tinha renda superior a 3 salários mínimos, cruzando essas dados com as quantidades de imóveis locados. Dessa forma geramos um mapa temático coroplético (cores representam a concentração) bivariado, ou seja duas variáveis (renda e domicílios alugados) passaram por uma junção.
Para renda trabalhamos com três, com o objetivo de abordar as classes de consumo C, B e A. Assim nossas classes por renda foram: 3 a 5 salários mínimos; 5 a 10 e acima de 10 salários mínimos. Já para imóveis locados trabalhamos a partir dos setores trabalhamos com 2 classes, acima da médiana e abaixo da mediana.
Como resultado temos um mapa com 6 classes:


Na tabela os valores A, B e C representam a renda média do responsável pelo domicílio em acima de 10 salários mínimos, entre 5 e 10 salários e entre 3 e 5. Já o valor 1 representam os setores que estão acima da mediana quanto a quantidade de domicílios com imóveis residenciais locados e o 2 abaixo da mediana. Nossa abordagem priorizou a renda alta, poderíamos construir uma hierarquia com outros enfoques.


Saiba como localizar seu público alvo, entre em contato em: www.geoanalytics.com.br

Referências: http://www.joshuastevens.net/cartography/make-a-bivariate-choropleth-map/
https://blog.mapbox.com/right-way-visualize-data-945d6010fab0

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Conheça a Distribuição Geográfica da População Brasileira com 3 gráficos e 1 mapa



Entender a forma como a população se distribui é muito importante para todos os que desejam compreender o Brasil. O Brasil é mais do que suas capitais e cidades de grande porte, quantificar é um dos itens necessários para a compreender a complexidade do país. Abordaremos a questão sob dois aspectos, o primeiro a distribuição da população em relação ao porte dos municípios e o segundo a distribuição espacial.

Nosso primeiro gráfico nos conta que a maioria dos municípios brasileiros (3.810 municípios) tem menos de 20 mil habitantes. Diz ainda que dos 5.570 municípios brasileiros 4.911 tem até 50.000 habitantes e que 5.422 municípios tem até 200 mil habitantes.


No gráfico seguinte observamos que as cidades com até 20 mil habitantes detém 32 milhões de habitantes. Verificamos também que parcela significativa da população 89.973.374 habitantes 43,65% está nos municípios com até 100 mil habitantes. Se olharmos no estepe seguinte 111.623.628 vive em cidades com até 200 mil habitantes. Ou seja dos 206 milhões projetados pelo IBGE para 2016 54% da população vive em municípios com até 200 mil habitantes.



Nosso terceiro gráfico destacamos a força das grandes cidades. O conjunto de cidades com mais de 1 milhão de habitantes que possui apenas 17 membros, concentra 45.224.317 habitantes. Ou seja quase 22% (21,94%) da população em apenas 17 municípios.



O mapa nos responde onde está concentrada a população. Através do mapa observamos que as cidades mais próximas do litoral concentram população. As regiões Sul, Sudeste e Nordeste se destacam no mapa. Também os caminhos de ligação (hidroviário, ferroviário e rodoviário) construídos para o escoamento de mercadorias e matérias-primas complementam a forma como o território foi ocupado.


Consideramos que é marcante a concentração da população brasileira nas grandes cidades, contudo parcela significativa da população está nos pequenos e médios municípios. Assim não nos parece apropriado olhar o conjunto do Brasil com o mesmo olhar que se tem para as 17 maiores cidades. Acreditamos que é fundamental conhecer as condições de vida, valores culturais e os elementos de difusão da cultura para além das grandes cidades.

O Brasil é composto de diferentes Brasis. Os mercados locais, a representação política são consequência de valores, relações de poder e de troca de toda essa junção de diferentes tamanhos, horizontes e perspectivas de vida.


terça-feira, 2 de maio de 2017

Saiba quantas pessoas trabalham próximas ao seu estabelecimento



Além de conhecer o perfil demográfico dos moradores próximos do seu estabelecimento é essencial saber quantas pessoas trabalham em seu entorno e quais os ramos de atividade para dimensionar o seu potencial de vendas e mix de produtos.

Por exemplo, é relevante saber onde se concentram os trabalhadores em serviços médicos e odontológicos na hora de abrir uma farmácia? Afinal pessoas com algum problema de saúde irão até esses profissionais.


Esses trabalhadores também demandam vestuário específico, podem demandar serviços de alimentação assim como os pacientes. Portanto é um bom local para se fazer presente.

Algumas atividades econômicas atendem a um público em geral, o setor de supermercados é um bom exemplo. Abaixo apresentamos um mapa com densidade de trabalhadores em todos os setores econômicos.


Essa oferta foi gerada a partir do processamento e análise dos dados do CNEFE (Cadastro Nacional de Endereços) e dos dados públicos da RAIS (Relação Anual Informações Sociais). A fim de obter uma unidade de análise que apresente compatibilidade entre moradores e trabalhadores de uma região optamos por agregar os dados nas células da grade estatística produzida pelo IBGE.

Estamos à disposição para uma visita. Aguardamos seu contato em: www.geoanalytics.com.br


Web Analytics